20/01/09

Cervejas com nome de mulheres

37439195_4423d75ea5 Já pararam para se perguntar de onde vêm os nomes das cervejas que bebemos? Durante o fim do ano, junto com uns amigos estava discutindo o motivo de várias cervejas possuirem nomes femininos, como a Stella Artois ou a Patrícia. Fazendo uma pesquisa na net, acabei descobrindo que estávamos enganados.

A Stella Artois não tem nada de Estela. O nome foi dado em homenagem a estrela de Natal que apareceu na noite que a cerveja foi criada. Já o Artois é o sobrenome de seu criador, Sebastian Artois.

A Patrícia mesmo é uma incógnita pra mim… No site do fabricante original, a Salus, o nome da cerveja nem é citado. A Ambev, que detém hoje a propriedade sobre a marca não entra nos detalhes sobre a história da cerveja em seu site.

Mas ainda podemos fazer uma boa comparação entre mulheres e cerveja… Se as duas forem realmente boas, é difícil arrumar dor de cabeça!

Atualização: Escrevi pra AMBEV perguntando o motivo do nome da Patrícia. A resposta eu colo abaixo.

Boa tarde Nicholas

A cerveja Patrícia é uma Cerveja uruguaia elegante e sofisticada. Surgiu em 1936, ao sudoeste da cidade de Minas pela então Companhia Salus S.A.
Patrícia possui uma espuma cremosa e consistente, caracteriza-se pelo uso de maltes e lúpulos nobres em seu processo de produção.Traz em seu líquido um amargor fino, porém distinto e marcante.
Ela é refrescante e moderadamente encorpada com teor alcoólico de 5,0% vol..

Porém o SAC (Serviço de Atendimento ao Consumidor) não tem acesso a esta informação quanto ao significado do nome da cerveja Patrícia.

Contamos com sua compreensão

Atenciosamente

Matheus Henrique
Serviço ao Consumidor AmBev

Nicholas Bittencourt

Analista de sistemas, estudante de Direito, fotógrafo, cervejeiro e blogueiro. Quando sobra tempo, também faço pipoca. [G+]

Comentários

  • 07/12
    14:56

    eu quero sabe que tem nome

Deixe um comentário